·

Posso confessar uma coisa?
Amo todos vocês que leem, que acompanham meu blog e que o seguem.
Obrigado aos 206 seguidores pelo apoio que dão ao meu primeiro projeto!
Quatro anos de felicidade!!!




domingo, 23 de agosto de 2009

Por falta de inspiração...


Há dias que eu desesperadamente e envergonhadamente me sento a frente daquela telinha fina do computador pensando em escrever algo que realmente valha a pena passar uns míseros 5 minutos lendo, em vez de só escrever sobre temas sugeridos pelos blog's a fora que fazem concursos de melhor texto. E sabe de uma coisa? Nada me ocorreu até o exato momento em que resolvi botar a cachola preguiçosa para funcionar e espremer de lá de dentro algo relativamente honroso de um blog que tem 26 seguidores (Obriga pessoal por me seguir! Vocês são muito importante para mim!).
Muitas vezes andei me perguntando sobre os comentários que surgem magicamente aqui. Será que eles estão aqui por que as pessoas leem e realmente gostam ou por que eu dou uma forçada colocando o link desses blog que tem apenas 8 meses de vida naquelas comunidades dos orkut's da vida que representam os blog's que escolhem os melhores textos, onde existe um tópico chamado: "comente no blog acima"? Prefiro nem saber da resposta se vocês me entendem.
Quando resolvi criar este meu amiguinho, que virou companheiro para todas as horas, pensei apenas que ele seria um diário eletrônico para que meu pobre e indefeso coração pudesse dizer aos quatro ventos, (ou melhor aos quatros lado da tela) o que ele sente e tem medo de dizer a quem conhece por ter uma noção das reações. Talvez esse medo é que tenha dado o nome a esse lugar, ou talvez o fato de que eu viva sonhando acordada com as coisas e fujo das situações cotidianas. Algum dia saberei a resposta, ou ficarei só na vontade.
Tem vezes que me pego fuçando os blog's alheios que amo de paixão pensando que um dia, não muito distante, eu com alguma dificuldade conseguiria deixar as coisas aqui um pouco mais conhecidas. Há tantos blog's inexploráveis por ai, que contem uma mágica infinita de prender a atenção do leitor que eu, pobre mortal que busca relutante poder ser jornalista ou escritora, tento sem sucesso fazer com isso que se torne verdade dentro do meu mundo. Essa parte tá meio confusa porque não sei me expressar direito.
Mas um dia eu hei de alcançar meus sonhos, deixar isso aqui mais alegre e prender tua atenção por mais de 5 minutos e chegar aos pés daqueles blog', que como disse anteriormente amo de paixão, te enfeitiçando com magia amigável.

1 medos:

' Nii . disse...

as vezes é assim comigo também, e acho que com todas as outras blogueiras :D não me ocorre a tão esperada INSPIRAÇÃO.
mais garanto que os comentarios daqui são verdadeiros, você escreve super bem *-*
super sucesso pra você!
beijinhos :*