·

Posso confessar uma coisa?
Amo todos vocês que leem, que acompanham meu blog e que o seguem.
Obrigado aos 206 seguidores pelo apoio que dão ao meu primeiro projeto!
Quatro anos de felicidade!!!




domingo, 26 de julho de 2009

tem 18 anos e fugiu de casa



A primeira vez a gente nunca esquece. Quero dizer, a primeira vez que a gente sai de casa e grita para meio mundo que nunca mais vai voltar. A partir daí a gente acha que vai viver melhor sem os berros da nossa mãe e sem os chiliques daquela irmã com a qual éramos obrigadas a dividir o quarto. Agora tenho um quarto só pra mim. Naquela primeira noite jurei que tudo seria diferente do que era lá onde eu vivia só que não imaginei que seria tão diferente assim. Poderia demorar horas no banho que não haveria ninguém para implicar comigo, só que a primeira vez que entrei debaixo daquele chuveiro monstruoso, um jato de água gelada caiu sobre minha cabeça me fazendo lembrar que antes de qualquer coisa eu deveria ligar a energia do apartamento. O que me fez pensar profundamente na dor que sentiria assim que acordasse, já que vou ter de dormir no chão por que os moveis estavam super atrasados na entrega. Para minha sorte não ouvi despertador nenhum tocar para me acordar pra trabalhar. Sabia que tinha esquecido alguma coisa na outra casa. Sai correndo e super mal vestida porque só lembrei de trazer 3 peças de roupa. Minha barriga assustou todo mundo no ponto de ônibus ao reivindicar seus direitos. O que eu posso fazer se não há mais café pronto assim que acordo? Definitivamente eu não daria o braço a torcer apenas por que algumas coisas deram errado na minha primeira noite morando sozinha. Iria ficar tudo bem depois que os moveis chegassem, que buscasse o resto das minhas parafernálias na casa da minha mãe e começasse a... pagar as contas.
Bom, mas essa foi apenas a primeira noite em que resolvi ser independente. Ainda tenho mais o resto da minha vida pra aprender a comandar a cozinha e a minha própria sorte. O que mais pode me acontecer? Bom, esse mês a água foi cortada...

5 medos:

Patrícia disse...

Eu tenho 21 e tudo o que eu queria era morar com meus pais :)

Bih disse...

Eu sempre imagino me acontecendo isso quando eu for morar sozinha.. Reclamo até mandar parar da minha mãe, mas acho que não iria me acostumar muito rápido sem a presença dela..

J. disse...

18, o bom de tudo é que finalmente podemos ser algo na vida não é? Vc ta lendo crepusculo, nossa foi a melhor coleção que eu ja li na minha vida!
bjbj
J.

Thatha disse...

Eu sempre penso em sai de casa mais sempre me da um medo de morar sozinha

Insights disse...

Eu sempre digo que quero morar sozinha, mas sinceramente não me imagino morando soozinha, sem pais, sem irmão, SOZINNHA!
:s
;*