·

Posso confessar uma coisa?
Amo todos vocês que leem, que acompanham meu blog e que o seguem.
Obrigado aos 206 seguidores pelo apoio que dão ao meu primeiro projeto!
Quatro anos de felicidade!!!




sexta-feira, 9 de outubro de 2009

Pedro para Pedro

Pedro pusera-se por perder poemas para parar pelo poder. Pediam pulando pelo padre pedras para pelejar para Pedro poucas palavras poeticas.
Poucos puseram-se por parar para Pedro poetizar poucas palavras. Padrinhos, padres, padeiros, pais-de-santo, policiais, políticos, pedreiros plenamente plastificados pelo poder poético pararam por Pedro.
Pois Pedro preguei papeis para palestrar palavras poeticas podendo proferir:
"Para Pedro, Pedro para, pão para Pedro, Pedro pedi pão para prosseguir"
Palmas, palmas, palmas.
Podiam-se procucurar por pessoas paradas.
Poucas poderiam poetizar por Pedro. Poucos poderiam...


--------------------------------------------
Meldeus como isso ficou sem sentido!!!!
Nem vale cometarios!

8 medos:

gabyzinhastar disse...

Apesar de ficado um pouco sem sentido, eu gostei. Foi criativo.

=]

Beijos

Fuskiinha disse...

Poucas pessoas consegueem fazer este tipo de 'poema' :D
Muitoo legal.! :D

Lílian disse...

eu gostei ;)
boa sorte la no desafio do blorkutando
beijos

B. disse...

curti... mesmo sem sentido, ficou beem criativo. nunca ia conseguir fazer um desses :s haha
gostei mesmo

Desirée disse...

Eu não conseguiria fazer de jeito nenhum isso. UAHSUAHSUAHSA

Bami disse...

Ficou massa! Não consigo fzr isso não. ausuahsuhas
Tem selinho pra vc lah no blog!
Bjooss

jadeamorim.com disse...

Ih menina, eu nem tive coragem de fazer um desse! O seu ficou bom sim, e ele teve sentido para mim... =D
Adorei viu?!


Beeijos! :*

Gabriela disse...

nussa, :O to boba, mto perfeiito,
como conseguio fazer um poema assim, tá mto mára,! :D
beijooos :*