·

Posso confessar uma coisa?
Amo todos vocês que leem, que acompanham meu blog e que o seguem.
Obrigado aos 206 seguidores pelo apoio que dão ao meu primeiro projeto!
Quatro anos de felicidade!!!




sábado, 1 de maio de 2010

Adolescentes secretos - o bem nem sempre vence.

adolescentes secretos.
- O quê vocês estão fazendo aqui? - perguntou Hector guardando a arma em seu cinto enquanto me aproximava ainda armada vendo o capanga caido ao seu lado.
- Eu ia perguntar o mesmo. - disse entre dentes.
Pude notar uma ruga se formar em sua testa ao olhar para o capanga caido e pegar o saco que estava ao seu lado.
- Pensei que havia dito a você, Giiu, que o caso estava encerado. - lembrou ele me encarando de cabeça baixa. - E você Hellen, pensei que tivesse me ouvido.
- Desculpe senhor. - pediu ela abaixando a arma - Giiu me arrastou até aqui.
Que bela parceira eu tinha. Me entragou na primeira oportunidade que teve.
Soltei o ar de meus pulmões olhando-a de canto ao dar de ombros.
- Segui dois capangas de Milleto até aqui. - contei - Eles estavam fazendo uma transão ilegal com dinheiro falsificado. Mas o que me encomoda é o fato de que não vi senhor chegar em momento algum e de repente ele morre e encontro o senhor aqui.
- Você devia prestar mais atenção, eu entrei assim que um deles estava repassando o dinheiro. - murmurou se aprixando de braços abertos - Sempre cometendo seus erros. É por isso que suas missões são o puro desastre.
Apontei a arma em sua direção quando ele se aproximou ainda mais de mim, ficando a um passo da arma. Virei a arma de lado, como quem fosse matar se ele não me escutasse. Pelo menos era isso que se tinha de fazer para colocar medo em alguém quando não te ouvem.
- Pare com isso Giiu. - pediu ele - Eu te ensinei esse truque idota, não vai funcionar comigo.
- Experimenta. - ataquei em um pigarro encarando-o.
- Vá em frente.
- Giiu, por favor, o que você acha, que Hector está envolvido nessa corrupção? - perguntou Hellen parando ao meu lado.
- E você não? - questiniei sem olhá-la. - Hellen ele nos tira do caso assim que digo que tenho um suspeito, diz que a missão está encerada e aparece aqui, mata um dos capangas de Milleto deixando outro fugir e pega o saco de dinheiro. O que mais você quer?
- Quero que largue a arma. -ordenou ela apontando a arma dela em minha cabeça - Já!
- Hellen?
- Pare com isso Gii. - murmurou ela rindo - Você sempre soube que eram eles ou a gente, então que sejam os dois. Melhor viver assim do que morrer espionando-os.
- É, quem diria. - zombou Hector - Melhor ouvir o que ela diz.
- Que se dane! - bradei apertando o gatilho.
Em seguida ouvi outro desparo e uma dor latejante. O frio me envolveu rapidamente ao sentir o chão sob meu rosto vendo sangue escorrer na frente de meus olhos e o embasso de Hellen correndo em direção a Hector para acudi-lo entre gritos. Depois disso vei o completo silêncio.
____________________________________
End.
E aí pessoal o que você acham de mudar?
Quero dizer, até uns tempos atras eu constumava a falar sobre (quase)tudo por aqui e agora só aparecem contos a cada post.
O que vocês acham de voltar a forma original?
Quem for a favor diga sim na enquete ao lado.

12 medos:

Jaqueline Jesus disse...

oi Chris!
gostei da história só ñ queria que a Giu tivesse morrido ;s

Anny.Boniatti disse...

Oiiie'
adoreii o post!
;)

Kamilla disse...

O sorteio da Quarta Edição do Interativos já foi realizado. Você indicará um tema para http://flashsdepensamentos.blogspot.com/

Lembre-se, você tem até terça-feira para indicar o tema.

Confira o resto do sorteio na nossa comunidade do orkut.

Fernanda Pessanha disse...

Eu queria que continuasse os contos, já votei lá.
Sobre o texto eu gostei, mas não queria que a Giiu tivesse morrido também.

Carô disse...

ah que shooow, cara, tu pode fazer um livro! adorei :DD

Sofia disse...

Chris, é pra você que eu tenho que indicar um tema pelo Interativos. Enfim, o primeiro que veio na minha cabeça e que eu gostei foi: Por que deve-se ter medo de sonhar? Achei que tinha tudo a ver com o blog. Espero que você tenha gostado.

- Débora M. disse...

Não queria que o Giiu tivesse morrido :(
Você ganhou uma leitora fiel.
Obrigada pelas felicitações *-*

Emi disse...

Eu adoooro seus contos, então acho que poderia postar as duas coisas, sabe? Digo os contos e outros posts, de acordo com o que você sentir de postar.
Amo o blog e o que vier vai estar ótimo, com certeza!
Beijos, queridaa!

mari ebert disse...

Droga, roí minhas unhas que já estavam super grandes! rsrs ADOREI a história, o final foi ótimo, adorei adorei rsrs. eu jah escrevi um conto parecido pra minha aula de redação. Ah, e realmente, não da pra não rir com as palhaçadas da M.S., o que eu posso fazer? É engraçado! Bjão, te espero no meu blog!

Aquilla Góes disse...

Obrigada pelo comentário/visita.beijos

Jéssica Pereira ;* disse...

seguindo aqui, me segue tb
http://surtosmodeon.blogspot.com/

Juh ♫ disse...

UAAAAAAAAAU!
Adorei o texto!
Parece Bones- e isso é um elogio, eu adoro esse seriado =D

Gostei do novo layout

Bjus